Território: casa comum

POSTER é uma palavra de origem inglesa que se define como uma ampliação fotográfica de grande formato. Com esta ideia inicia-se uma espécie de zoom intemático, que terá como imagem de fundo e base de entendimento, cinco cidades do distrito de Braga, em cinco posters a publicar. Para nos acompanhar nesta exposição crítica, serão convidadas duas personalidades por tema, onde se agrega um conjunto de reflexões transversais à disciplina de arquitectura e ao contexto em que se inserem.

Neste primeiro tema em discussão – Território: casa comum – revelar-se-á a simultaneidade dos acontecimentos a que o Território está sujeito e as tensões relativas à condição urbana contemporânea.
A linha de orientação ficou a cargo dos geógrafos Álvaro Domingues e Miguel Bandeira. Em modo “pré-texto”, deambulamos no território registando fotograficamente a casa comum (como quem diz, marcas na paisagem) onde convivem ruínas – cravadas com uma placa de mármore branco que baptiza o nome da rua – com coloridos sumptuosos tipo shopping´s em pano de fundo. Outros planos, portanto.

A metáfora é explícita e pretende revelar uma opacidade nos modos de problematização, construção e representação do urbano contemporâneo em que a disciplina de arquitectura se tem guiado. Os convidados, fugiram da rigidificação dos conceitos habitualmente usados, quer com linguagem figurada e metafórica, quer com mitos urbanos ou ditos populares. Numa formatação mais ou menos subentendida, os sinais de representação foram devidamente cartografados, informando-nos, a nós arquitectos, quais os padrões de imagética urbana que se constroem para lá dos representados nos fundamentos disciplinares.

Por isto e pelo que se segue, estamos profundamente agradecidos.

José Martins, arquitecto

 

download do poster #1
Ficha técnica:

Textos de:
Geógrafo Miguel Bandeira, Sulcos profundos da urbanidade bracarense: o pagão e o cristão. Deambulações urbanológicas pela geografia cultural de Braga;
Geógrafo Álvaro Domingues, Viver entre o rio e a cidade.

Cidade:
Braga

Editor:
José Martins

Coordenadores:
Luís Vidal
Rui Gonçalves

Fotografia:
“Viver entre o rio e a cidade” de Álvaro Domingues

Fotografia de capa:
Álvaro Domingues

Design:
Nuno Bastos; Raquel Peão

Impressão e acabamento:
Norprint

Tiragem:
100 exemplares

Janeiro 2012